O amor como já mencionei antes, ele não é um sentimento, mas uma decisão tomada pelo coração do homem e da mulher que queira demonstrar ao seu(sua) companheiro(a) o quanto quer o melhor para o mesmo(a) sem recebe-lo em troca.

Como assim Jefferson, não receber de volta o amor?

Exato! Digo isso porque para você que acredita em Deus, quer seja cristão ou não, esse é o princípio fundamental do Verdadeiro Amor.

“Amor é Paciente, o Amor é Bondoso. Não inveja, não se vangloria, não se orgulha. Não maltrata, não procura seus interesses, não se ira facilmente, não guarda rancor. O Amor não se alegra com a injustiça, mas se Alegra com a Verdade. Tudo Sofre, Tudo Crê, Tudo Espera, Tudo Suporta.”
1 Coríntios 13:4-7

Sim este é o Verdadeiro Amor e o primeiro que expressou isso foi o próprio Deus através do seu Filho Jesus Cristo.

E digo mais, o Amor Verdadeiro e Completo está na pessoa de Cristo em nós, sim é isso mesmo que você está lendo. Fora dele há um amor falso e incompleto, que nada mais é que uma paixão desenfreada e ilusória que ao seu tempo mostrará sua verdadeira face.

Convido você a refletir sobre essas palavras, entender o que realmente é o Amor, saber que a importância de Deus em um relacionamento conjugal é fundamental e não somente um relacionamento conjugal, mas também para um início de um namoro ou um noivado.

Lhe digo que tenho aprendido a entender e praticar constantemente esse Amor Verdadeiro da forma mais difícil e dolorosa possível, mas a Graça de Deus em Cristo tem me fortalecido e fortificado na fé:

“A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza. De boa vontade, pois, me gloriarei nas minhas fraquezas, para que em mim habite o poder de Cristo.
Por isso sinto prazer nas fraquezas, nas injúrias, nas necessidades, nas perseguições, nas angústias por amor de Cristo. Porque quando estou fraco então sou forte.”
2 Coríntios 12:9,10

Tem feito aprender e lembrar da sua doce e santa palavra:

“Foi-me bom ter sido afligido, para que aprendesse os teus estatutos.”
Salmos 119:71

Além Dele se fazer presente sempre nas horas mais difíceis e angustiantes:

“Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia.”
Salmos 46:1

Espero que você reflita sobre cada palavra e a situação que tem vivido e que possa compreender essa Verdade!

Então o que você está esperando para realmente conhecer o Amor Verdadeiro, primeiramente a Deus através de Seu Filho e através do seu relacionamento com sua esposa ou marido?

Siga em frente com Deus sempre!

Anúncios

4 comentários sobre “O Verdadeiro Amor

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s