De repente nada mais parece fazer o menor sentido pois tudo que está ao meu redor e derredor não se encaixam.

São como um quebra-cabeça incompleto com peças espalhadas por todos os cantos e há peças tão escondidas que são difíceis de se encontrar.

E os meus pensamentos são como farpas entre os dedos na qual cada uma traz consigo uma dor aguda por conta de tentar remove-las.

E aqueles planos e projetos tão sonhados são como construções inacabadas, das quais não somente faltam verbas, mas construtores experientes para concluírem tal obra.

Esta é por muitas vezes a vida de alguém, alguém que sonhou um dia chegar ao tão sonhado sonho, não que este tenha parado de sonhar, mas as vezes o choque da realidade o faz querer não se decepcionar e o faz firmar seus pés no chão por um tempo até poder voar novamente.

Anúncios

6 comentários sobre “De repente…

  1. “Pensamentos como farpas…” Às vezes dói assim né?! Sei como é. Mas quer saber?! Aprendi com a vida que é preciso controlar pensamentos, mantê-los na linha. Se for possível canalize essa força para ações práticas. E tenha paciência. O que é seu virá. Abraço!

    Curtido por 1 pessoa

  2. Sei bem disso. É uma sensação de ser desprovido da própria sombra. Nem guiado pelas estrelas, nem fazendo algo artificial. É aquele momento em que o melhor berço é se sentir firme até que enfim possa voltar a se encarregar.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s